NOVIDADE 2019: Espaço Liderança

by

Venha conhecer a visão e a opinião que os líderes têm sobre o futuro do trabalho, através de entrevistas em direto a alguns dos mais prestigiados líderes do nosso país.

ENTREVISTAS A DECORRER DURANTE O DIA

11H00

Isabel Vaz – CEO da Luz Saúde

Isabel-Vaz

Isabel Vaz licenciou-se em Engenharia Química no Instituto Superior Técnico e tem um MBA na Universidade Nova de Lisboa. Antes de assumir a liderança da Espírito Santo Saúde em 1999, esteve sete anos na consultora McKinsey. Isabel é filha de um médico e, atualmente, é a cara da saúde privada em Portugal. Em 18 anos transformou uma empresa de raiz num dos principais grupos privados de saúde. Foi responsável pela entrada em bolsa de uma empresa do setor da saúde.

14H30

Paulo Pinto – CEO da Redoute Portugal

Paulo Pinto - La Redoute

Paulo Mateus Pinto, 49 anos , licenciado em Economia com especialização em Gestão , pela Faculdade de Economia de Coimbra. Marketeer com experiencia internacional tendo gerido marcas em diversos países de Europa (Espanha ; Suíça  ; Alemanha ; UK … ). Presentemente CEO da La Redoute Portugal onde arrancou um dos primeiros processos de transformação digital em 2007. Acabou em 2018 a liderança de 5 anos no mercado Espanhol onde consolidou um modelo de e-commerce. É vice-presidente da ACEPI – Associação da Economia Digital, Presidente da Dom Dinis Leiria Business School e membro da Direção da NERLEI – Associação Empresarial do Distrito de Leiria.

16H00

Nuno Carvalho – Fundador da Padaria Portuguesa

Nuno G&L

O conceito d’ A Padaria Portuguesa surgiu, em 2010, pelas mãos do gestor Nuno Carvalho, na altura com 32 anos. Tendo trabalhado no Grupo Jerónimo Martins durante 10 anos, foi, não só a vontade de empreender e criar negócio próprio, mas também a identificação de uma oportunidade num mercado querido aos portugueses, que impulsionaram A Padaria. Nuno apercebeu-se que os grandes distribuidores, a pouco e pouco, substituíam, na vida dos portugueses, as tradicionais padarias e pastelarias de bairro, que estão enraizadas na cultura portuguesa e de que havia falta destes espaços, numa perspectiva tradicional mas também profissional, organizada e bem apresentada, onde se pudessem celebrar não só “pães e bolos” de qualidade, mas também a proximidade com as pessoas, o sentido comunitário e um espaço de “ponto de encontro” onde se pudesse gerar diálogo saudável e bem-estar. Hoje a Padaria conta já com 60 lojas.